<a href=”http://www.tenhomaisdiscosqueamigos.com/2019/12/25/dave-riley-big-black-morte/”><div class=”media_box full-dimensions660x360″>

<div class=”edges”>
<img class=”croppable” src=”https://img.r7.com/images/big-black-dave-riley-a-direita-25122019223615704?dimensions=660×360″ title=”Big Black (Dave Riley à direita)” alt=”Big Black (Dave Riley à direita)” />
<div class=”gallery_link”>
</div>

</div>
<div class=”content_image”>
<span class=”legend_box “>Big Black (Dave Riley à direita)</span>
<span class=”credit_box “>Tenho Mais Discos Que Amigos</span>
</div>
</div>

</a> Mais uma triste notícia de morte nesse Natal de 2019: <strong>Dave Riley</strong>, baixista da influente banda punk <strong>Big Black</strong>, morreu aos 59 anos de idade.

O músico esteve nos dois discos da banda liderada pelo icônico produtor <strong>Steve Albini</strong> (Nirvana, Jawbreaker, Superchunk), <em><strong>Atomizer </strong></em>de 1986 e <strong><em>Songs About Fucking</em></strong><em>, </em>de 1987.

Além disso, Riley foi engenheiro de áudio em discos tanto do <strong>Parliament </strong>quanto do <strong>Funkadelic</strong>, de George Clinton.

A causa da morte de Dave Riley foi um câncer de garganta.

Que descanse em paz.
Big Black e Steve Albini

A banda esteve na ativa entre 1981 e 1987, e foi fundada por Steve Albini em seu segundo ano de faculdade.

Fazendo parte da cena <em>underground </em>de Evanston, cidade próxima de Chicago, o Big Black nasceu com <strong>Jeff Pezzati </strong>no baixo, e ele viria a ser substituído por Dave em 1985.

Jeff fazia parte do <strong>Naked Raygun</strong>, grupo punk que influenciou nomes como <strong>Dave Grohl</strong>, assim como <strong>Santiago Durango</strong>, guitarrista que gravou os dois álbuns.
Fonte: r7 Music