<a href=”http://www.tenhomaisdiscosqueamigos.com/2019/11/28/marty-friedman-paul-gilbert/”><div class=”media_box full-dimensions660x360″>

<div class=”edges”>
<img class=”croppable” src=”https://img.r7.com/images/marty-friedman-e-paul-gilbert-no-rock-fujiyama-28112019194827942?dimensions=660×360″ title=”Marty Friedman e Paul Gilbert no Rock Fujiyama” alt=”Marty Friedman e Paul Gilbert no Rock Fujiyama” />
<div class=”gallery_link”>
</div>

</div>
<div class=”content_image”>
<span class=”legend_box “>Marty Friedman e Paul Gilbert no Rock Fujiyama</span>
<span class=”credit_box “>Tenho Mais Discos Que Amigos</span>
</div>
</div>

</a>Reprodução/YouTube <strong>Marty Friedman </strong>e <strong>Paul Gilbert </strong>são dois dos maiores virtuosos da guitarra de todos os tempos. O primeiro mostrou toda sua técnica no <strong>Cacophony</strong> antes de se juntar ao <strong>Megadeth </strong>por quase dez anos, enquanto o segundo liderou bandas como o <strong>Mr. Big </strong>e o <strong>Racer X </strong>durante sua longa carreira.

Colocá-los frente a frente em um duelo pra lá de curioso foi a ideia do programa de TV japonês<em><strong> Rock Fujiyama</strong></em>. A regra do <em>Rock A to Z </em>era a seguinte: uma letra do alfabeto seria sorteada e os músicos precisavam tocar uma canção de uma banda de rock com essa letra.

O programa tem algumas nuances bem estranhas (pelo menos pra nós por aqui), mas é legal demais. O duo se diverte horrores, e chega a tocar junto em músicas como ‘Spirit of Radio’, do <strong>Rush</strong>.

Quem ganhou a brincadeira, pelas regras do programa, foi Marty. Mas nos comentários, muita gente preferiu a performance de Gilbert! Isso porque o ex-guitarrista do Megadeth tocou canções mais fáceis, como ‘Basket Case’ (do <strong>Green Day</strong>) e ‘Blitzkrieg Bop’ (do <strong>Ramones</strong>) enquanto Paul apostou em faixas mais complexas como ‘Elephant Talk’, do <strong>King Crimson</strong>.

Confira na íntegra a seguir!
Marty Friedman e Paul Gilbert

Vale lembrar que Marty virou uma celebridade gigantesca no Japão, tendo participado em mais de 700 programas de TV. O guitarrista fala a língua fluentemente e mora lá desde 2003, pouco depois de deixar o Megadeth.

Já Paul Gilbert também fala o básico do idioma — ambos mostram isso no vídeo — e lançou um disco solo, intitulado <em><strong>Behold Electric Guitar</strong></em>, neste ano. Há planos de mais um lançamento solo no ano que vem, chamado <em><strong>Werewolves of Portland</strong></em>.

Vale lembrar ainda que o <em>Rock Fujiyama </em>também recebeu outros ícones ocidentais do gênero. Nomes como <strong>Andrew W.K.</strong>, <strong>Kerry King </strong>(Slayer) e o <strong>DragonForce </strong>já passaram pelo programa, que durou apenas 1 ano entre 2006 e 2007.
Fonte: r7 Music