Divulgação

Foi divulgada, nesta quarta-feira (18), a entrevista que Taylor Swift deu à revista americana Rolling Stone. A artista, que é capa da edição, abriu o coração para falar da carreira e relembrou briga com o rapper Kanye West. 

No VMA 2009, Kanye subiu ao palco enquanto a cantora recebia o prêmio de Melhor Videoclipe Feminino e contestou (ao vivo), dizendo que Beyoncé que deveria ganhar a categoria. Sem entender nada, Taylor ficou sem-graça com o discurso e o assunto repercute na internet até hoje.  

Kevinho comemora 21 anos com festão na zona sul de São Paulo

Desde então, os dois trocam farpas direta e indiretamente na web. Na entrevista, a voz de Lover aproveitou para desabafar sobre o assunto dez anos após o ocorrido e como ela ainda assim tentou uma aproximação com o rapper.  

— O mundo não entendeu o contexto dos eventos porque nada acontece sem uma orientação anterior. Alguns eventos aconteceram para me irritar quando ele me chamou de vadia. Esse não foi apenas um evento singular. Basicamente fiquei cansada da dinâmica entre ele e eu isso não foi baseado no que aconteceu naquela ligação e com essa música. Foi uma reação em cadeia. Começou quando eu senti que havíamos nos reconectado, o que foi ótimo para mim – porque tudo o que eu sempre quis em toda a minha carreira depois do que aconteceu em 2009 foi que ele me respeitasse.

Taylor ainda falou sobre a necessidade que sentia da aprovação do marido de Kim Kardashian, e destacou que não quer mais falar sobre o assunto, pois a magoa. 

— Quando alguém não te respeita tão claramente e diz literalmente que você não merece estar aqui – queria tanto esse respeito dele e odeio isso em relação a mim mesma – eu fiquei tipo ‘esse cara está contra mim, só quero a aprovação dele’ (…) Eu percebi que ele tem duas caras. Que ele quer ser bacana comigo nos bastidores, mas quer parecer legal, ficar na frente de todos e falar coisas ruins. E eu estava muito chateada (…) Aproxima-se de você, ganha sua confiança, detona você. Eu realmente não quero mais falar sobre isso porque eu fico nervosa. 

Na última terça-feira (17), a artista anunciou que virá ao Brasil em 2020. Taylor se apresentará no dia 18 de julho no Allianz Parque, em São Paulo. 

Veja mais: Sammy Hagar, ex-vocal do Van Halen, vem pela 1ª vez ao Brasil


Fonte: r7 Music