O incrível Kendrick Lamar tem sido visto há algum tempo já como um dos reis do rap na era moderna, e seu reinado acaba de ganhar mais um capítulo.

O disco good kid, m.A.A.d city, de 2012, foi o que trouxe Kendrick ao mainstream de fato graças a singles como ‘Bitch Don’t Kill My Vibe’ e ‘Swimming Pools (Drank)’. O sucesso completo só veio com o sucessor, To Pimp a Butterfly (2015), mas já nessa época o rapper recebeu 4 indicações no Grammy.

Agora, o disco de 2012 superou o The Eminem Show, lançamento do Eminem em 2002 que ficou 357 semanas nas paradas, e se tornou o álbum de hip-hop mais longevo na lista da Billboard 200.

Ainda assim, a excelente obra de Kendrick ainda está longe de encostar no Dark Side of the Moon, do Pink Floyd, que é o disco que passou mais tempo no geral já que ficou por ‘apenas’ 943 semanas nas paradas.

Kendrick Lamar
Kendrick lançou o aclamado DAMN. em 2017 e se manteve no auge de sua carreira.

Mas, depois de sua passagem por aqui no Lollapalooza Brasil, o rapper tem ficado mais quieto e certamente deve estar passando tempo com sua primeira filha. Mesmo assim, ele ainda participou da trilha sonora de Rei Leão e fez uma bela parceria com SiR.

https://open.spotify.com/album/3DGQ1iZ9XKUQxAUWjfC34w
Fonte: r7 Music