Silvia, mulher de Catra, empresaria os filhos neste projeto

Silvia, mulher de Catra, empresaria os filhos neste projeto
AF Assessoria & Produções/ Divulgação

Um ano após a morte de Mr Catra, quatro dos 32 filhos do funkeiro se uniram para homenagear o pai e dar continuidade ao trabalho dele.

Fernandinho, Alandin, Kaliba e WL formam o quarteto “Filhos de Catra” e vão lançar a turnê “Tributo ao Papai” no final deste mês. Fernandinho detalha que a ideia do projeto surgiu antes mesmo da partida de Catra.

“Ele sempre incentivou a gente nessa questão de música. Ele sonhava com a continuidade do trabalho dele, por parte de nós, filhos. E essa homenagem vem principalmente da saudade que sentimos dele e da vontade que temos de mostrar para o mundo um pouco mais do Wagner. Porque todo mundo conhecia o Catra. Ele sempre foi um pai muito maneiro, carinhoso e dedicado. Merece todas as homenagens. E também é uma forma que encontramos de poder ajudar mais a nossa família.”

Repercussão tem sido positiva entre os fãs

Repercussão tem sido positiva entre os fãs
AF Assessoria & Produções/ Divulgação

O quarteto pretende rodar o país com a turnê com shows que vão ter cerca de uma hora de duração. No repertório, o público vai poder curtir os principais sucessos de Catra, além de músicas de cada um dos cantores, que têm carreira solo.

“Vamos usar a voz dele em alguns momentos dos shows com vídeos dele sincronizados com as músicas. O show vai ser o tempo todo de homenagem para ele”, adianta Fernandinho. “Meu pai tinha muitas músicas inéditas que ele fazia e não estavam trabalhadas. E a gente vai apresentar isso também nos shows. A gente acho justo com os fãs deles mostrar tudo isso”, completa.

Mulher de Catra fala sobre mudança de hábitos após morte do marido

A música de trabalho dos artistas é Fé em Deus e os irmãos vão cantar juntos a canção. Durante a apresentação, Fernandinho conta que uma imagem de Catra vai aparecer ao fundo, no telão: “Vai ser uma parada muito emocionante”.

Para os filhos de Catra, o projeto é uma forma de fazer com que o pai esteja sempre presente. “Cantar as músicas dele, seguir os mesmos costumes que ele costumava seguir. Um cara maneiro, um cara sempre simpático, sempre de bem com a vida. Um cara bom com todo mundo. E cantando a música dele shows a fora… é assim que a gente consegue fazer ele presente”, declara Fernandinho.


Fonte: r7 Music